Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

Escolha pelo menos um opção para sua busca

É possível recomeçar a vida aos 50

14/08/2006

Mercado oferece boas opções de qualificação
profissional e oportunidades de negócio próprio

A última Pesquisa Mensal de Emprego do IBGE, referente a maio, aponta que 18,1% da população ocupada têm mais de 50 anos, com rendimento 36,3% acima da média.

Na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, a participação é ainda maior, de 22,3%. `Com a redução do índice de mortalidade e da taxa de natalidade, a população brasileira está envelhecendo.

Os números refletem uma nova realidade social. Cabe ao Poder Público criar formas de abrir espaço a essas pessoas no mercado de trabalho`, afirma o presidente da Associação dos Aposentados da Fundação Cesp, Milton Dallari.

Para Dallari, é preciso que haja incentivo para abertura de micro e pequenas empresas, como forma de viabilizar a geração de empregos. `A redução da carga tributária e da taxa de juros é essencial nessa estratégia`, diz Dallari, em especial quando se trata da abertura de um negócio próprio.

A pesquisa do IBGE aponta que, entre os cinqüentões, 32,7% trabalham por conta própria e 33,6% são empregadores. Ou seja, no Brasil, as pessoas se aposentam e têm que continuar trabalhando. E gerando empregos. `Muita gente aproveita o Plano de Demissão Voluntária ou o acerto de contas para abrir seu negócio próprio. Uma das melhores opções é abrir uma franquia, que já possua marca forte consolidada`, afirma o consultor André Friedheim, da Francap.

Mas, é preciso atenção. Um estudo do Sebrae aponta que metade das microempresas e empresas de pequeno porte fecha antes de completar dois anos. Um dos grandes vilões são os tributos, que, no Brasil, superam os 35% do PIB. Segundo Friedheim, o índice de mortalidade cai para 10% entre as franquias.

Outra dificuldade é a falta de instrução, apontada pelo Sebrae e confirmada pela pesquisa do IBGE como uma das vilãs da falência. Os dados do IBGE indicam que 46,1% dos trabalhadores sem instrução têm mais de 50 anos. Apenas 14% têm 11 anos ou mais de estudo. `A qualificação é a melhor forma para preservar o emprego ou conseguir ascensão profissional. E é essencial para as pessoas que querem montar seu negócio próprio`, afirma Cida Costa, supervisora de Desenvolvimento da BIT Company, uma das maiores redes de qualificação profissional do país.

Todas as grandes redes de franquias utilizam sistemas para gerenciar a rede. `É preciso, no mínimo, saber utilizar um computador. Aqueles que ainda não sabem ou resistem a aprender perdem terreno. Cursos, de Inglês, aulas de gestão administrativa e troca de experiências entre empresários são fundamentais`, diz a supervisora da BIT Company.

O Clube do Empreendedor, que nasceu há quatro anos para orientar pequenos e médios empresários na gestão de seus negócios, já auxiliou mais de 600 pessoas através de encontros e palestras (os chamados `Fóruns de Negócios`).

O Clube, que aderiu ao franchising recentemente, é excelente opção de negócio para executivos, consultores, gerentes de bancos ou empresários que tenham perfil para mediar debates. `Esses profissionais têm a característica ideal para o negócio, já que podem dar forma à vontade de ter o próprio negócio em uma franquia onde continue exercitando o que têm de melhor: a capacidade de liderança e toda experiência acumulada ao longo da vida profissional`, explica o presidente Clube do Empreendedor, Wilson Trevisan.

Mais informações para a imprensa:
Tel.: (11) 3266-6088 ramais 207 e 208
Paulo Flores: (11) 998-7043 – Denis Dana: (11) 9949-6535

Ex-Libris Comunicação Integrada
Av. Paulista, 509 conj. 602 – São Paulo – SP – CEP: 01311-000 -Tel. (11) 3266-6088 – www.libris.com.br

Avaliação

NOTÍCIAS RELACIONADAS