var lazyload = new LazyLoad({ elements_selector: ".lazy" }); }
Histórias do franchising, conheça relatos de quem já empreendeu
Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

«
Escolha pelo menos um opção para sua busca

Histórias do franchising: Venci a pandemia com uma franquia


30/09/2021


histórias do franchising

O franchising é cheio de histórias inspiradoras!

Ao longo dos anos, muitas pessoas conseguiram superar as adversidades ao investir em uma franquia.

No período do novo coronavírus não foi diferente.

Como todos nós sabemos, o início da pandemia fez com que muitas empresas fechassem as portas ou diminuíssem o quadro de funcionários.

Isso resultou em muitas pessoas desempregadas: 14,7 milhões de brasileiros estavam sem trabalho no mês de julho.

Além disso, tivemos as perdas e a tristeza proporcionadas pelo momento.

Mas há empreendedores que encontraram nas franquias a oportunidade para vencer a pandemia!

A franquia permite ter um negócio próprio e, mais do que isso, ter o apoio necessário para que o negócio cresça e se desenvolva.

Dito isso, é bom lembrar que empreender durante uma crise não é uma coisa fácil!

É preciso resiliência e, principalmente, estratégia.

O ambiente coletivo do franchising permitiu chegar a boas decisões que protegessem os negócios.

Assim, os empreendedores conseguiram construir empresas em um segmento que gostassem e com estratégias, o que trouxe muitos benefícios.

Hoje trouxemos algumas histórias do franchising para você ver melhor como o novo negócio mudou a vida das pessoas.

Gustavo Marchi, por exemplo, trabalhava em um dos setores que foi mais afetado pela pandemia, o de eventos.

Segundo o Escritório Central de Arrecadação e Distribuição, Ecad, houve uma queda de 80% no número de eventos comparando 2020 e 2019.

A esposa de Gustavo estava grávida e eles tinham investido um alto valor na compra de um apartamento.

Para superar a crise, eles investiram em uma franquia do Doutor Sofá.

Outra história que chama a atenção é a de Paulo Henrique Couto Godinho, que planejava ir para Portugal com sua família, mas teve os planos atrapalhados por causa da pandemia.

Para manter o padrão de vida, ele investiu em uma franquia Megamatte e se surpreendeu com o negócio!

Veja os detalhes dessas e de outras histórias do franchising abaixo:

 

Histórias do Franchising: Gustavo Marchi, 27 anos, franqueado da Doutor Sofá desde março de 2020

“Eu trabalhava com eventos, tenho uma sociedade em uma casa noturna em Caxias do Sul. Com a pandemia a gente precisou fechar as portas e acabamos ficando sem renda nenhuma por quase dois anos. Minha esposa estava grávida e tínhamos acabado de investir um alto valor na compra de um apartamento. Minha esposa começou a trabalhar na Doutor Sofá de Caxias e surgiu uma vaga de operador que eu aceitei prontamente. Eu vi que tinha muito potencial e já no primeiro mês como operador eu comprei a unidade da Doutor Sofá do Litoral Norte. A gente foi crescendo, porque a franquia tem muito potencial, graça a Doutor Sofá a gente teve renda boa para pagar o apartamento e as nossas contas. Hoje a gente tem as franquias Litoral Norte, Ijuí, Lajeado e acabamos de comprar Coroanto. A franquia contribuiu muito com nossa renda familiar nos últimos anos e crescimento profissional”.

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA DOUTOR SOFÁ

 

Histórias do Franchising:  Tereza Cristina Machado de Oliveira, franqueada da MyLash Extensão de Cílios, no Rio de Janeiro, há três meses

A carioca Tereza Cristina Machado de Oliveira, comprou uma unidade da MyLash Extensão de Cílios logo após ser desligada de seu cargo como executiva de uma grande empresa de telefonia.

Até então nunca tinha empreendido, mas vislumbrou na MyLash, onde era cliente, a oportunidade de realizar seu grande sonho de ter o próprio negócio.

Localizada na zona norte do Rio de Janeiro, o faturamento de sua loja teve recorde de vendas logo no período de inauguração.

Para franqueadora, Tereza é um exemplo na rede, pois não tinha histórico empreendedor, e mostra o quanto a operação é de fácil gestão e grande potencial.

E agora, apenas com três meses de operação, está indo para a sua segunda unidade, desta vez localizada na zona sul do Rio de Janeiro.

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA MYLASH

 

Histórias do Franchising:  Marcelo Castro de Carvalho Filho, franqueado da Reino Rural em Salvador (BA)

Marcelo Castro de Carvalho Filho trabalhava há anos com vendas em uma loja de móveis, mas por decorrência dos problemas de lockdown e medidas restritivas, a empresa teve que fechar por tempo indeterminado.

Após ficar desempregado, analisou as possibilidades de renda, criou diversos planos de negócios e constatou que o mercado de agronegócio era um dos setores que continuava em alta mesmo durante a pandemia.

Foi quando optou em ter o próprio negócio através do franchising. “Optei pela franquia por já ter uma estrutura de negócio sólida, além do suporte para conseguir opera-la sem as dificuldades de começar do zero”, diz o empreendedor.

Marcelo investiu na Reino Rural – franquia especializada em produtos agropecuários de suplemento nutricional animal e fertilizantes – que atua home office, com unidade em Salvador (BA).

Para ele, essa tem sido uma grande experiência, que mesmo sem experiência no setor e em negócios, vem tendo o auxílio da franqueadora para superar as dificuldades.

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA REINO RURAL

 

Histórias do Franchising:  Margarete Clemente, franqueada da Orgânica Body&Spa, em Belo Horizonte (MG)

Margarete Clemente, de 38 anos, de Belo Horizonte, resolveu empreender em outubro de 2020, durante a pandemia. Após trabalhar por 13 anos no mercado financeiro, em grandes instituições como gerente de relacionamento, assessora de investimentos.

No início da pandemia, juntamente com algumas dificuldades no seu ramo de atividade, surgiu um desejo forte de se reinventar em algo que fizesse bem à humanidade.

“Comecei a pesquisar sobre franquias, e paralelamente a isso tive problemas capilares e minha terapeuta me indicou o uso de cosméticos veganos e vegetais, tive uma dificuldade imensa de achar no mercado aliada a um preço muito alto”, relembra.

Após muitas pesquisas de mercado, ela conheceu a franquia Orgânica Bory&Spa e foi amor a primeira vista. “Meu irmão, Robson Clemente, é meu braço direito e esquerdo, faz toda a parte administrativa, sistema, controle, etc… eu sou comercial. A parte de vendas e estratégia de vendas é comigo”, diz.

Apesar de ter iniciado a franquia na pandemia, Margarete busca se reinventar a todo instante para encontrar alternativas de chamar a atenção do público. Para ela, o mercado de beleza tem muito o que ser explorado.

“As pessoas estão buscando cada vez mais opções alternativas que melhorem a qualidade de vida. A preocupação ambiental também tem sido pauta para muitas pessoas.

E com relação a qualidade dos produtos e aceitação dos meus clientes é de 100%. Espero muito expandir minha franquia em Minas. Esse é meu objetivo de curto e médio prazo”, revela a empreendedora.

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA BODY & SPA

 

Histórias do Franchising: Nathan Souza possui três unidades de franquias da escola de idiomas Minds Idiomas, uma na cidade de Cascavel, outra em Palotina e a de Terra Roxa, Paraná

Nathan Souza, de 26 anos de idade, ex-professor de inglês, junto a sócia Alexcia Velasquez, possui três unidades de franquias. A mais recente inauguração foi a franquia em Terra Roxa que, neste momento de pandemia, otimizou o espaço e divide locação junto a Universidade UniCesumar considerada a melhor instituição de ensino superior dentre os dez maiores grupos educacionais privados do Brasil, de acordo com o IGC (Índice Geral de Cursos) do MEC (Ministério da Educação).

Diante da pandemia, a franquia de Nathan passou por alguns desafios com as duas franquias, como apresentar um menor rendimento no fluxo de caixa e diminuição no número de matrículas. Mas, mesmo com os impactos da pandemia, o franqueado conseguiu dar a volta por cima e inaugurou uma terceira franquia.

“A pandemia influenciou na questão financeira, e por isso ter essa iniciativa de uma franquia em um espaço mais otimizado e ao lado de uma universidade que atende mais de 250 mil alunos em seus polos nacionais e internacionais, é sinônimo de conquista para meu novo negócio aqui na região.

Com apenas 1 mês de gestão, a nossa nova franquia já está mostrando resultados pelas inscrições e interesses de alunos. A nossa franquia de Palotina também se encontra ao lado do pólo universitário UniCesumar, e estarmos lado a lado, só aumenta a credibilidade e resultados de ambas as marcas.

A Minds Idiomas é considerada uma marca conceituada pelos seus 14 anos de existência. Este novo modelo de negócio que permite a otimização do espaço e ao mesmo tempo uma locação em parcerias com outras empresas é benéfico a todos.

Com isso, o número de matrículas no curso de inglês só cresce e o envolvimento do aluno da universidade, em querer conhecer mais sobre os cursos da Minds Idiomas, concomitantemente aumenta, pois estamos um ao lado do outro”, explicou Nathan.

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA MINDS

 

 Histórias do Franchising: Gustavo Gramolelo, franqueado da Artes Filmes em Jundiaí

O período da pandemia gerou muita incerteza, no entanto, vimos que o período mesmo desafiador poderia ser um gerador de oportunidades, tendo em vista, que praticamente todas as pessoas começaram a trabalhar online. Isso acabou gerando um efeito cascata que continua até hoje aumentando a demanda por vídeos, trabalhos em redes sociais, lives, entre outras coisas, que foram se adequando ao mercado. Foi nesse momento que resolveu apostar na franquia e o retorno tem sido bem positivo já que estamos trabalhando como nunca e o segmento audiovisual que já vinha crescendo acabou se consolidando no isolamento.

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA ARTES FILMES

 

Histórias do Franchising: Rodrigo Macedo, franqueado de Guarulhos da Fórmula Animal

“Trabalhei durante nove anos como CLT em uma indústria. Em 2019, ao lado de um sócio, tive minha primeira experiência no mercado de franchising atuando como franqueado em uma rede de lavanderias.

A unidade caminhava bem, no entanto, vi que não era um negócio que me trazia satisfação, gosto de ser desafiado, bolar estratégia de negócios, de marketing que são coisas que compõem meu DNA e que lá não estava tendo. Após um tempo, outros fatores fizeram com que o negócio saísse um pouco dos trilhos e com a pandemia as coisas só vieram a piorar.

Além da franquia, continuava como CLT, mas por conta da crise a empresa acabou mandando embora quase 50% de seu quadro de funcionários. Desta forma, fiquei 100% focado no negócio, no entanto, com as pessoas em casa o serviço de lavanderia ficou bem impactado.

Após um período resolvi fechar a unidade por conta disso e também pela falta de suporte. Nesse momento pensei em montar algo para não voltar ao mercado de trabalho, pois gostei de ser empreendedor.

Foi quando fui convidado a integrar a sociedade para ser franqueado da Fórmula Animal, algo interessante, já que o segmento pet sempre me chamou a atenção e era algo que eu desejava.

Fui aos poucos entendendo e me inteirando sobre o negócio para saber como seria. Foi nesse momento que tive a certeza que seria o que estava buscando.”

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA FÓRMULA ANIMAL

 

Histórias do Franchising:  Denis Laseri, multifranqueado da Buratto Consultórios

“O segmento da saúde sempre teve destaque e durante a pandemia ainda mais. Resolvi investir na franquia por acreditar demais no potencial do projeto e o resultado não poderia ter sido melhor. No ano passado, minha primeira unidade, em São Paulo, teve uma procura enorme e um retorno extremamente satisfatório. Sabendo que tinha feito a escolha certa, apostei em mais duas unidades da rede agora em 2021, em São Caetano e em Mauá.”

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA BURATTO CONSULTÓRIOS

 

Histórias do Franchising: Henricck Roffre, franqueado da Graviola Burguers e Pizzas (Casa Graviola)

“Sempre tive o sonho de empreender! Em 2018, conheci a operação de franchising do Casa Graviola e fiquei encantado com a proposta da marca e coloquei como meta na minha vida abrir uma operação algum dia. Passaram-se dois anos, veio a pandemia e com ela a nova operação do Graviola Burguers e Pizzas.

Mesmo diante do cenário negativo da pandemia, vi como uma grande oportunidade de cumprir aquela meta de 2018 e entrar para família Graviola. Iniciar a operação durante esse período foi uma escolha estratégica, visando o aumento da venda delivery e o fato da crise oportunizar melhores condições para instalação da operação visto o desaquecimento do mercado.

Além disso, quis que a operação aproveitasse esse período de instabilidade para ganhar conhecimento e amadurecimento, visando maior tranquilidade e segurança na futura retomada da economia.

A criação de uma operação “enxuta” foi uma grande ideia da franquia, pois , além de possibilitar a entrada de jovens empreendedores que pretendem realizar um investimento menor, possibilita um melhor aprendizado por ser uma operação mais “simples” servindo com um Test-Drive para um restaurante da rede.”

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA GRAVIOLA

 

Histórias do Franchising: Paulo Teixeira, franqueado da Mais1 Café

Paulo Teixeira, de 31 anos, formado em Tecnologia da Informação, sempre trabalhou na área. Após 10 anos trabalhando em uma multinacional holandesa, no ramo de engenharia, sentiu a necessidade de uma mudança, além de sempre ter a vontade de abrir o meu próprio negócio.

Em dezembro de 2019, foi desligado da empresa, e teve a oportunidade de visitar a inauguração de uma das unidades da Mais1 Café. Na ocasião, achou a marca incrível, com um visual moderno e chamativo, além de produtos de qualidade.

Foi buscar mais informações sobre, e no final de janeiro de 2020, ele e sua prima, que hoje é sócia e mora fora do Brasil, estavam com o contrato assinado e o ponto escolhido.

Em março de 2020, inaugurou a sua primeira unidade, duas semanas antes de iniciar a quarentena no Brasil e no Mundo, foi um momento bem desafiador, mas a sua confiança na marca era tão grande, que não se abateu, e aos poucos foram conquistando o seu público, e cada vez mais fidelizando os clientes da região.

Ele ficou durante 6 meses trabalhando como barista na cafeteria, visando redução de custos e aprendizado sobre o dia a dia da operação. Foi um período importante para que aprendesse sobre atendimento ao cliente, fraquezas e oportunidades e também tivesse um feedback diário dos clientes.

Em fevereiro de 2021 inaugurou sua segunda unidade, em Curitiba, novamente em meio a pandemia, mas sempre acreditando que o potencial da marca e do negócio, eram muito grandes.

Hoje após 18 meses da inauguração da primeira loja, pode dizer que tece uma evolução pessoal e profissional muito maior, do que os últimos 5 anos, trabalhando como CLT.

A zona de conforto que sempre é tão citada, fez parte da sua vida por muito tempo, e hoje cada dia é um desafio e um aprendizado diferente.

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA MAIS1 CAFÉ

 

Histórias do Franchising:  Liegie de Paula Rabatini, 32 anos, investiu em 2 franquias da Pormade Portas – Araraquara e Ribeirão Preto – interior de São Paulo

“Toda crise assusta um pouco, principalmente quando se trata de uma crise mundial, como a do coronavírus. No entanto, acredito que somos os principais responsáveis pelo nosso próprio futuro e são as nossas escolhas, no presente, que vão refletir se teremos sucesso ou não lá na frente.

Eu escolhi investir em uma segunda loja da Pormade Portas bem em meio a esse cenário, pois enxerguei uma oportunidade.

Tem sido desafiador, mas também tenho encarado todos os percalços com otimismo e expectativa. Costumo dizer que estou sempre em movimento, o relógio não para e também não podemos ficar parados no tempo esperando as coisas acontecerem.

Minhas expectativas são as melhores possíveis para o decorrer do ano de 2022.

Tenho a certeza de que estamos caminhando para um novo ciclo, abandonando a sensação de medo e o período ruim, mas levando conosco muitos aprendizados.

Com certeza, parar em duas lojas apenas não é a minha opção, pretendo sim dar andamento ao projeto e abrir outras lojas futuramente.”

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA PORMADE

 

Histórias do Franchising: Paulo Henrique Couto Godinho é franqueado da Megamatte do Shopping Outlet Premium Rio de Janeiro

“Sempre fui profissional de comunicação corporativa e marketing. Trabalhei na L´Oréal, no Grupo O Estado de S.Paulo e fui concursado no Sistema Petrobras desde 2002.

Trabalhei com ferramentas de marketing, patrocínios, ações de relacionamento com públicos de interesse, produção de conteúdos, eventos como a Fórmula 1, convenções, as maiores feiras de negócios.

Antes da BR Distribuidora ser privatizada, aderi ao programa de demissão voluntária e encerrei um ciclo de grandes experiências e excelentes equipes.

Comecei 2020 com planos de ter uma nova vida em Portugal como franqueado de uma cafeteria, entretanto a pandemia travou esse plano.

Preservei o objetivo de manter um bom padrão de vida para minha família e busquei a maior previsibilidade de sucesso possível dentro do ambiente hostil da economia brasileira naquele momento.

Já conhecia algumas franquias e o posicionamento da Megamatte me chamava atenção de forma especial.

Marca jovem, produtos excelentes, franqueadora de ótimas referências no mercado. Foi minha primeira opção de franquia de food service. Uma boa localização de loja seria fundamental. Fiz análise SWOT de um repasse, contratei valuation e avaliei cenários para mitigar riscos.

Depois da tomada de decisão, muita coisa ainda surpreendeu, mas a franqueadora correspondeu a todas as minhas expectativas de apoio.

E como sei que planejamento estratégico cabe em qualquer tamanho de negócio, já comecei o meu, com mapa de metas, métricas, controles, comunicação, envolvimento dos públicos estratégicos, avaliação contínua.

Com menos de três semanas na gestão da loja, ainda é muito prematuro falar de resultados alcançados. Mas minha visão é que o futuro é logo ali e ele é mega promissor!

SAIBA MAIS SOBRE A FRANQUIA MEGAMATTE

 


 
Agora que você conferiu histórias do franchising, veja outros relatos de empreendedores: