Destaque franchsing da rede Água Doce conta como aumentou as vendas
Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

«
Escolha pelo menos um opção para sua busca
destaque franchising Água Doce

Franqueado do Ano pela ABF conta como alavancou vendas com o delivery

28/05/2022

Franqueado do ano no Prêmio ABF Destaque Franchising, André Gustavo Ribeiro, da Água Doce Sabores do Brasil de Araraquara, criou um sistema eficiente de delivery no auge da pandemia

 

Uma situação grave de saúde pública que movimentou todo o planeta, trazendo graves perdas e prejuízos. Em maior ou menor grau, trabalhadores e empresários foram afetados.

Diante desse cenário desafiador com inúmeros prejuízos, as pessoas se viram obrigadas a mudar suas formas de trabalho para continuar sobrevivendo e progredindo e com André Gustavo Ribeiro, sócio proprietário da Água Doce Sabores do Brasil de Araraquara (SP), não foi diferente.

Mas a situação que se mostrava um pouco assustadora no começo foi resolvida com muito empenho e criatividade, resultando em um final feliz: além de reverter os prejuízos e retomar o faturamento da empresa, ainda rendeu a ele o principal prêmio do setor de franquias no País, concedido pela Associação Brasileira de Franchising (ABF).

O franqueado ficou em primeiro lugar no Prêmio ABF Destaque Franchising na categoria Franqueados do Ano, com o case “Delivery para Todos”.

A premiação é um reconhecimento público ao franqueado que, por meio de seu empenho, comprometimento e experiência, contribuiu para a evolução da rede da qual faz parte e para  os projetos alcançaram as melhores avaliações entre os inscritos.

Devido à sua vitória, tanto o franqueado quanto o franqueador recebem convites para participar da Convenção ABF do Franchising 2022.

O evento será realizado no Hotel Transamérica Ilha de Comandatuba (BA), de 19 a 23 de outubro, além de receberem seus respectivos troféus.

No caso de André Gustavo Ribeiro, o projeto não foi apenas uma medida específica, mas um conjunto de práticas e iniciativas que acabaram por revolucionar o delivery da rede Água Doce, o que é fundamental para as franquias.

Foram ainda criadas estratégias para aumentar o tíquete médio e a quantidade de pedidos, aprimorando a experiência dos clientes ao receber os produtos da marca.

A inspiração para o projeto veio da transpiração, pois já trabalhávamos com delivery, que na época era muito pequeno.

Quando da noite para o dia, nos vimos sem faturamento e de portas fechadas, foi necessário encontrar alternativas para manter a operação.

Viramos a chave e transformamos o delivery em nossa principal fonte de vendas com objetivo de levar refeições para dentro da casa do consumidor”, explica Ribeiro.

Ele conta que, com o apoio da franqueadora, incluiu diversos pratos, como carnes assadas e feijoadas, além das tradicionais receitas da Água Doce, como os escondidinhos e parmegianas para serem entregues em domicílio.

A partir disso, criamos uma embalagem de qualidade, moderna e chamativa para atrair os clientes.

Sabíamos que existia uma demanda reprimida de pessoas que estavam acostumadas a consumir fora do lar e que, naquele momento, estavam em casa.

Ampliamos nosso restaurante, transformando o bar para ter mais espaço para o delivery, e contamos com o apoio do maior aplicativo de entregas do Brasil”, conta.

O trabalho foi conjunto com outros franqueados da rede, que foram convencidos por Ribeiro a estender os serviços de entregas, pois, segundo ele, “se na unidade da Água Doce Araraquara estava dando resultados, acreditava que em todos os restaurantes da franquia também daria retorno”.

Além das novas embalagens, foram criados combos para aumentar o tíquete médio das vendas, novas fotos e cardápio.

Logo, o faturamento da operação foi crescendo com mais de 1,5 mil refeições sendo entregues por mês.

“Fizemos um trabalho de aproximação com os clientes, enviando bilhetes personalizados, treinamos os motoqueiros para que ao fazer a entrega dos pedidos tivessem reciprocidade, educação e agradecimento, todas ações nos levaram ao primeiro lugar do prêmio Franqueado do Ano”, comemora ele.

O vencedor da categoria Franqueado do Ano do Prêmio ABF acredita que com muito envolvimento no negócio no dia a dia e busca por informações de qualidade que ajudarão o empresário a resolver todos os desafios podem ser determinantes para ser bem-sucedido na área de Franchising.

Apesar de já ter conhecimentos acumulados ao longo da sua trajetória profissional, como negócios de alimentação da sua família; a abertura de uma rotisserie aos 17 anos com um amigo; formação em Marketing, atuação em empresas e tendo sua própria empresa de representação comercial, ao decidir ampliar sua área de atuação para complementar a renda, ele optou pelo sistema de franquias e abriu uma franquia de pizzas com um amigo.

A ideia inicial era ter uma segunda fonte de renda sem precisar criar algo do zero. Queria um negócio que tivesse boa performance e bons resultados.

Analisamos algumas opções no mercado, visitamos por duas vezes a ABF e nos nutrimos de informações de várias redes de todos os segmentos.

Apostamos no franchising por entender que o negócio já está formatado e em operação.

Esta é a vantagem de investir em uma franquia, você já consegue ter detalhes dos resultados e conta com uma marca registrada, com equipe de treinamento, gestão, com o conceito do negócio definido para realizar o investimento”, argumenta ele, que abriu a primeira franquia em 2009, na região da Vila Clementino, em São Paulo.

“Já são 13 anos no segmento e hoje administro três negócios dentro do setor, duas redes de alimentação, uma delas a Água Doce Sabores do Brasil, e uma de vestuário infantil”, enumera.

 

Desafios e esforços

Para quem deseja iniciar um empreendimento próprio, André Gustavo Ribeiro recomenda o setor de franchising aliado ao esforço e dedicação do empresário para que o negócio cresça e apareça.

Os desafios existem como em qualquer outro negócio. Muitos acreditam que por investir em uma franquia, não precisa estar na operação, na supervisão ou treinamento, mas é necessário acompanhar o negócio de perto, pois é desta forma que terá bons resultados”, argumenta ele.

Se, por um lado, o franqueador fornece todas as ferramentas para iniciar o projeto de uma forma mais estruturada, cabe ao franqueado utilizá-las da melhor forma possível para que prospere e performe de maneira satisfatória.

Segundo o empresário, o franqueado ou candidato deve ser um bom administrador, independente da franquia. É necessário lidar com pessoas, sejam colaboradores ou clientes.

Aqueles que querem abrir seu próprio negócio devem ter em mente as obrigações e responsabilidades sobre aquilo que montou.

São diversas variantes que interferem no dia a dia da operação, então é preciso ter jogo de cintura para atravessar todas as situações de maneira satisfatória.

Eu sou um exemplo disso e por este motivo ganhei o prêmio Franqueado do Ano”, acredita ele.

Ele cita o fato de que durante o lockdown ocasionado pela pandemia muitos empresários entraram em desespero por verem seus negócios de portas fechadas da noite para o dia.

São nessas situações que devemos olhar para dentro da operação e pensar o que pode ser feito para solucionar o problema, sabendo que muitas pessoas dependem da sua gestão.

Acredito que esse seja o core do negócio, saber como gerir pessoas e lidar com todas as dificuldades de forma adequada”, comenta ele.

Por isso, antes de iniciar o negócio e escolher o franqueador que irá ajudá-lo nesse processo, é importante analisar seus pontos fortes e fracos, aptidões e quais os segmentos com os quais têm maior sinergia.

É fundamental participar ativamente da operação no dia a dia, pois somente entendendo as diversas questões que se apresentam no cotidiano será possível fazer o negócio ter bons resultados.

Um bom relacionamento com colaboradores, com gerência e clientes é uma etapa fundamental, já que todos esses públicos são de muita importância para o negócio.

“Para se manter no setor, você deve ser diferente.

Não é por estar inserido em uma rede de franquia que não deve buscar por diferenciais para o seu negócio e sugerir à franqueadora.

É importante fazer uma reciclagem, buscar por informações do seu segmento dentro do país ou em outros locais, em reuniões de associações ou em eventos da ABF”, aconselha o vencedor da categoria Franqueado do Ano.

 


 

Confira outros artigos que irão te ajudar a empreender: