var lazyload = new LazyLoad({ elements_selector: ".lazy" }); }
Rockfeller nunca fechou uma unidade, conheça a história da rede
Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

«
Escolha pelo menos um opção para sua busca

Conheça a franquia de idiomas que nunca fechou uma unidade


21/10/2020 | Publieditorial


rockfeller nunca fechou

Rockfeller Language Center amplia a expansão da rede com cidades, a partir de 15 mil habitantes, por todo o Brasil

Com quinze anos de vida, a Rockfeller Language Center não fechou nenhuma franquia até o momento. Mesmo este ano, durante a crise do coronavírus, todas as unidades da rede continuam em operação.

Hoje, com 80 unidades, a rede de escolas de idiomas de Santa Catarina percebe a importância de uma rede alinhada e transparente.

“Somos muito orgulhosos da nossa rede, é mais de uma década sem nunca ter fechado uma unidade. Claro que por trás desse feito existe um bom produto, caso contrário nenhum negócio se sustenta, mas também há uma gestão de rede eficiente”, conta André Belz, fundador e diretor da Rockfeller.

 

QUERO MAIS INFORMAÇÕES DESTA FRANQUIA!

Nativa digital, a rede de idiomas não teve grandes dificuldades para fazer a migração do ambiente físico para o remoto e lidar com a crise que pegou o mundo de surpresa, em março no Brasil.

“Fizemos a transição em 72h, pois nossa metodologia já era toda digital. Então as aulas remotas continuaram sendo as mesmas aulas, só que agora, o professor compartilhava a tela do computador com os alunos em suas casas”, explica André.

O resultado das aulas remotas foi tão eficiente que a frequência nas aulas aumentou em 95% e o curso remoto virou um novo produto a ser disponibilizado para os alunos, além das aulas presenciais e híbridas que já existiam na rede.

Expansão da marca pelo Brasil

Buscando intensificar o plano de expansão em um ano atípico, a Rockfeller Language Center procurou as tendências do setor de franquias que apontam para aceleração da expansão de marcas e unidades de negócio para cidades fora das capitais.

Entre os principais aspectos que influenciam essa aceleração está o custo de vida mais baixo e o surgimento de ambientes seguros para a inauguração das novas lojas.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), sobre interiorização, no primeiro semestre de 2019, cidades como Sorocaba (SP), Londrina (PR) e São José do Rio Preto (SP) estavam entre as que mais abriram unidades, proporcionalmente.

Sendo assim, a Rockfeller Language Center diversificou seus modelos de franquias disponíveis no mercado com cinco opções de tamanhos, sendo eles: micro, slim, pequena, média e grande.

“Quando pensamos em um modelo que atendesse a essa tendência de mercado, chegamos ao modelo micro que é pensado para cidades a partir de 15 mil habitantes”, diz André.

“Para nós, essa diversidade de tamanhos de franquias é uma forma de democratizar o acesso ao ensino de idiomas a mais pessoas. Além de fazer parte de nossa estratégia de expansão, pois com os cinco modelos de escolas que temos disponíveis, conseguimos desbravar ainda mais o território brasileiro”, explica.

O modelo micro, pensado para cidades menores – partir de 15 mil habitantes –, tem o investimento inicial de R$ 90 mil. Já o modelo G, para cidades a partir de 200 mil habitantes, tem o investimento inicial de R$ 245 mil.

Além de diversificar as opções de modelos de franquias, em agosto, a Rockfeller Language Center iniciou uma campanha com foco na expansão da rede.

Além da expertise no negócio, a franqueadora está oferecendo incentivos financeiros para os novos franqueados até dezembro.

“O nosso objetivo é impulsionar o franqueado que está entrando na rede neste momento ainda incerto”, finaliza André.

A Rockfeller Language Center iniciou o processo de expansão como franquia em 2008 e, hoje, conta com 80 unidades, dessas 18 estão em implantação, pelo Brasil. A meta da rede é chegar ao final de 2020 com 120 escolas.

 

FICHA DA FRANQUIA

Investimento inicial para o modelo tradicional:  de R$ 150 a R$ 400 mil
Investimento inicial para o modelo compacto: a partir de R$ 90 mil
Taxa de Franquia: de R$ 15 mil a R$ 40 mil
Capital de giro: de R$ 10 mil a R$ 100 mil
Royalties: não cobra
Fundo de propaganda: não tem
Área mínima de uma unidade: 120 m2
Número mínimo de pessoas na operação: 4
Faturamento médio mensal: R$ 100 mil
Lucro: de 25% a 35%
Prazo de retorno do investimento: de 18 a 48 meses
[email protected]

 

 

 

QUERO MAIS INFORMAÇÕES DESTA FRANQUIA!

 


 

Agora que você leu que a Rockfeller nunca fechou uma unidade, leia também:

 

Por Publieditorial