Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

Escolha pelo menos um opção para sua busca

Como escolher a melhor franquia e não perder seu investimento

28/08/2018

Como escolher a melhor franquia

O sedutor mundo do franchising é um grande mistério para muitas pessoas. A grande dúvida é saber se é um bom negócio optar por comprar uma franquia ao invés de montar um negócio próprio. O mercado de franchising é a melhor opção para pessoas que buscam empreender com menos riscos, mas é preciso tomar alguns cuidados e entender algumas particularidades do segmento. Abaixo irei responder as principais dúvidas dos interessados em abrir franquias.

Franquia é garantia de sucesso?

Definitivamente a resposta é NÃO! Se alguém prometer isso a você, fuja! O princípio básico do empreendedorismo é assumir riscos, e até hoje não conheci nenhum negócio que consiga ficar isento de riscos. Mas, se a franquia que você escolher for uma empresa com muitos anos de mercado e possuir uma rede de franqueados com histórias de sucesso, esse risco fica bem menor do que empreender sozinho ou em redes recém fundadas.

O franqueador vai trabalhar no meu negócio?

Não. O franqueador vai trabalha no desenvolvimento contínuo do negócio e no suporte ao franqueado, mas a gestão da unidade é de exclusiva responsabilidade do novo empreendedor. Ele será o responsável por zelar pela marca, garantir a qualidade dos produtos e serviços em sua unidade, e também por buscar o retorno financeiro.

Como escolher a melhor franquia?

O primeiro passo não é escolher a melhor franquia, mas sim o ramo de atuação. Temos muito mais chances de êxito quando fazemos aquilo que amamos. Já atuei em vários ramos, mas sempre performei melhor no setor de educação. Acredito que através da educação é possível transformar a vida das pessoas, e esse combustível me faz sentir paixão e sucessivamente a motivação necessária para trabalhar melhor. Busque algo que você se identifique verdadeiramente. Após escolher o seguimento, busque as opções de franquias que existem no mercado e comece a sua pesquisa.

O que devo pesquisar sobre uma franqueadora?

A primeira fase é analisar a missão, visão e valores da empresa para ver se tem sinergia com você. Após isso, analise o plano de negócio, DRE e o projeto de expansão. Assim que terminar sua análise sobre investimentos e as coisas forem caminhando no sentido de uma parceria, chega a parte fundamental: fazer a pesquisa com os franqueados da rede.

O que perguntar aos franqueados?

Pergunte sobre o dia a dia na operação, o tempo que ele está operando a unidade, o retorno do investimento, o faturamento e, principalmente, a relação com a franqueadora. Não existe nenhuma apresentação ou DRE que possa substituir a opinião dos franqueados de uma rede. São eles que podem opinar com autoridade sobre o seu desejo de pertencer a uma determinada rede de franquias, mas lembre-se, a pesquisa deve ser feita com no mínimo de 5 franqueados, para que uma opinião isolada não seja uma verdade absoluta.

Como saber se tenho perfil para ser franqueado?

Um dos maiores índices de mortalidade no setor de franchising é a falta de perfil dos franqueados. Não necessariamente seja falta de perfil empreendedor, mas sim baixa aptidão para franqueado. Conheci muitas pessoas que durante o treinamento inicial da rede, passam a maior parte do tempo questionando os processos e imaginando que se fizessem diferente do que estão conhecendo seria muito melhor. Alguns fazem, e já na implantação começam a deturpar o projeto com substituição de processos testados por outros que ainda irão precisar de amadurecimentos e testes. O objetivo de comprar uma franquia não é entrar para um modelo de negócio testado? Quando você muda isso, fica sujeito aos erros de um negócio iniciante. Já o franqueado que tem perfil, ele deseja focar na operação do negócio e preocupa-se apenas em seguir os processos que foram desenvolvidos ao longo dos anos.

Comprando uma franquia eu terei mais clientes por conta da marca?

Essa é uma das grandes frustrações entre franqueados de diversas redes. As marcas que trazem clientes, normalmente são as mais caras e com grande atuação comercial, exemplo do McDonald’s, Outback e Habib’s. Essas empresas costumam estar bem posicionadas em praças de alimentação, shoppings centers ou pontos estratégicos. Mas na maior parte das franqueadoras a história é outra, cada franqueado tem que batalhar para conseguir clientes e construir uma marca forte em sua região. Portanto, o que deve ser levado em conta é a experiência do franqueador e o know-how nessa busca por clientes.

Invista um bom tempo nessa fase de escolha, isso será muito importante para o sucesso como franqueado. O mercado é amplo e nos próximos anos as redes de franquias irão se multiplicar e se fortalecer muito, seguindo tendências de países onde essa cultura já permeia a mais tempo. Espero que sua escolha possa fazer de você um franqueado de sucesso, e que em breve sua unidade franqueada se multiplique e vire mais um dos tantos cases de sucesso que temos no mundo do franchising.

Autor: Vinicius Almeida Carneiro
CEO Evolute Profissionalizantes e Idiomas

 

Confira outros materiais que o Portal do Franchising preparou para ajudar você a escolher a sua franquia: