Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

Escolha pelo menos um opção para sua busca

Setor de franquia aposta na região sul

23/07/2009

De acordo com o levantamento da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o faturamento do setor de franquias deverá crescer  13% este ano, saltando de R$ 55 bilhões para R$ 63 bilhões.

Um termômetro do bom momento da atividade foi 18ª edição da ABF Franchising Expo, feira realizada em São Paulo no fim de junho. O evento recebeu 39 mil visitantes, volume 20% maior do que no ano anterior e deve gerar negócios na ordem de R$ 30  milhões.

O Sul do País já é visto como uma das regiões promissoras para contribuir com o crescimento do setor nos próximos anos. De acordo com recente levantamento da entidade, com base nas franquias associadas, o Sul é responsável por 13,1% de redes no Brasil, sendo 44% no Paraná, 31%, em Santa Catarina, e 25%, no Rio Grande do Sul. Em faturamento, a região representa 9,0% de todo território brasileiro, sendo 80,1% no Paraná, 12,1%, no Rio Grande do Sul, e 7,8% em Santa Catarina. 

Com o quarto maior PIB do Brasil – R$ 175 bilhões – o Rio Grande do Sul é um dos maiores produtores e exportadores de grãos do País. Segundo o diretor executivo da ABF, Ricardo Camargo, o Sul tem ganhado atenção, principalmente porque a região conta com um público exigente e diferenciado, além de ser ideal para se introduzir novos produtos, tendências e ideias.  `A região conta com grande parte da sua economia baseada no setor industrial e de serviços. Há demanda a ser explorada`, conclui o executivo.

INVESTIMENTOS

 A Vivenda do Camarão é dos exemplos de redes que apostam no Sul para expandir seus negócios. A franquia acaba de inaugurar a terceira unidade da marca em Curitiba, Paraná. O restaurante está localizado no Shopping Estação e deve receber, por mês, uma média de 1.500 mil consumidores.

A Vivenda possui outros dois restaurantes na região, situados no Park Shopping Barigui e Shopping Palladium. Ao todo, são dez restaurantes no Sul do País; além da capital paranaense, a rede tem lojas em Porto Alegre, Joinville, Maringá, Foz do Iguaçu e Londrina. O Sul representa 7% do mercado da Vivenda e a meta é elevar esse número para 12%.

Os planos de expansão do Yázigi Internexus, primeira franquia de idioma do Brasil, também estão voltados para a região. A rede, que já conta com 14 escolas em Porto Alegre, pretende abrir mais duas escolas até o final deste ano, além de crescer a base de alunos nas escolas existentes em 20%. O Yázigi acaba de reformar três escolas em POA, as unidades BonFim, Menino Deus e Boa Vista, colocando-as dentro do novo padrão de unidade visual da marca, para poder atender melhor os alunos e público em geral. 

O Rio Grande do Sul representa 20% do faturamento da marca. São 70 pontos-de-venda, incluindo escolas e parcerias com escolas particulares. Atualmente, o Yázigi gera cerca de 1.000 empregos no Estado e somente em Porto Alegre são aproximadamente 200 empregos.  Na virada deste ano, o Yázigi deve gerar 100 novos empregos no Estado e só em Porto Alegre serão 30 novos empregos.
 
O investimento regional da marca é superior a R$ 500 mil e nos próximos cinco anos, este número deve chegar a R$ 3 milhões. `O Rio Grande do Sul é um Estado que tem como um dos seus principais diferenciais o investimento e a preocupação com educação`, comenta Alexandre Gambirásio Silva, presidente do Yázigi Internexus.

Na mesma direção, está o Grupo Montana Grill, que pretende alcançar 90 lojas em 2009 e considera o Sul uma das principais praças de estratégia de investimento.

A Casa do Construtor, de Rio Claro, no interior paulista, especializada no aluguel de equipamentos para a construção civil, como andaimes e betoneiras, está abrindo uma loja em Arapongas (PR) e pretende, em breve, marcar presença em Joinville e Florianópolis (SC). Altino Cristofolleti, diretor da Casa do Construtor, prevê a abertura de 20 novas unidades ainda este ano, chegando a 70.

Uma das mais tradicionais franquias de alimentação busca novos empreendedores no Sul do País. O Rei do Mate espera inaugurar quatro novas unidades nos Estados sulistas. Atualmente, a empresa está presente no Paraná com nove lojas e, em Santa Catarina, com sete unidades. Essas praças representam 5% do faturamento total da rede.

O Rei do Mate acredita que a região a ser conquistada possui grande potencial de mercado. `As temperaturas são mais baixas e os consumidores se identificam com nossos produtos quentes e saborosos. Nosso objetivo é fortalecer a participação da marca nos Estados do Sul`, ressalta Antonio Carlos Nasraui, diretor comercial e de marketing da rede.

A Barbara Strauss, especializada em joias contemporâneas, acaba de apresentar um novo conceito de produto, comercialização e comunicação. A marca vai inaugurar, até o final do ano, três novas lojas para apresentar o novo conceito.  Serão duas lojas em São Paulo e uma em Porto Alegre.

Já Gramado, no Rio Grande do Sul, ganhou em julho uma unidade da FastFrame/ Moldura na Hora. A loja conta com 100m². Segundo os jovens investidores Bruno Endres Wippel, 27 anos, e Francieli Cristine Santos, 26 anos, a abertura da loja deverá aproximar mais o público da arte, já que ajudará no desenvolvimento cultural da cidade e promete uma nova oportunidade de mercado na região e favorecer o turismo na cidade, pois os turistas poderão levar suas lembrancinhas emolduradas como obras de arte.

Especializa em cursos para capacitação profissional, a rede de franquias Prepara Cursos Profissionalizantes anunciou a expansão de sua operação para o Sul do País com a inauguração de quatro unidades no estado. As cidades de Gravataí, São Leopoldo, Santa Maria e Porto Alegre receberam as primeiras unidades da marca, mas a meta é levar a franquia para inúmeras outras até o final do ano. `Identificamos um grande potencial de expansão para os negócios no Sul do Brasil e nossa expectativa é aumentar rapidamente a participação de mercado, inclusive para Santa Catarina e Paraná`, antecipa diretor Rogério Gabriel.

Com sete lojas no Sul a rede de culinária Spoleto está com um plano de expansão bem forte para a região. Entre o final de 2009 e primeiro semestre de 2010 a marca deve abrir mais 17 unidades. Estão sendo negociadas 6 lojas no Paraná, 7 novas unidades no rio Grande do Sul e 4 em Santa Catarina.

Clique aqui e confira a presença das redes de franquia no Sul.

 

Por: Redação DFREIRE

NOTÍCIAS RELACIONADAS