BIT Company recebe dois prêmios da ABF

10/05/2005

A excelência da BIT Company como franqueadora foi mais uma vez reconhecida pela Associação Brasileira de Franchising (ABF). Foram dois prêmios, entregues na noite de 28 de abril, em São Paulo.

 

A rede, uma das maiores de cursos de qualificação profissional e de informática do país, recebeu o Selo de Excelência em Franchising. Foi o sétimo selo consecutivo. `É com muita satisfação que recebemos essa chancela. É o resultado de nosso trabalho e atenção com os franqueados`, afirma Walmir Frare, diretor de Negócios da BIT Company. A chancela veio nos cinco primeiros anos como Selo de Qualidade da ABF e, a partir de 2004, como Selo de Excelência em Franchising.

 

Com o selo, a ABF pretende valorizar as marcas que desempenham com o máximo de qualidade seu papel de franqueadoras, segundo o Código de Auto-Regulamentação, e confirmar o compromisso que a rede contemplada tem de se responsabilizar por um contínuo e permanente aprimoramento de seus métodos e sistemas. A ABF também busca estimular a melhoria da atuação das empresas que fazem parte do sistema de franchising.

 

Para escolher as marcas que recebem o selo, a ABF, por meio de um instituto de pesquisa idôneo, avalia a situação das concorrentes junto ao mercado e busca informações com os franqueados. O relacionamento do franqueador com os franqueados, a assessoria no início das atividades, a exatidão dos investimentos orçados, o treinamento, o abastecimento, o suporte, os serviços prestados e rentabilidade são outros itens considerados na avaliação.

 

A BIT Company também recebeu o Prêmio ABF Destaque Franchising. O franqueado de Araxá (MG), Wellington Martins, foi escolhido por ter desenvolvido o projeto Profissional do Futuro (Profut), que poderá capacitar a cada ano até 32.000 novos voluntários. O Profut beneficia escolas públicas, Organizações Não-Governamentais (ONGs), empresas, jovens e a própria BIT Company. `Fiquei contente por ter desenvolvido um projeto que qualifica profissionalmente jovens, os leva a ter responsabilidade e atuação social e ainda os encaminha para o mercado de trabalho. Foi gratificante ter sido escolhido como destaque entre as mais de 56 mil franquias que existem no Brasil`, diz Martins.

 

Em Araxá, 180 jovens já passaram pelo Profut. Eles realizam um curso na BIT Company que mescla o ensino de informática com técnicas administrativas. Depois, ao realizar o trabalho voluntário em escolas públicas, ou em ONGs, contribuem na administração, solucionam problemas de informática e, ao mesmo tempo, se aperfeiçoam profissionalmente. Dos jovens que passaram pelo projeto, 86 foram encaminhados ao primeiro emprego. Wellington afirma que os pais apoiam a realização do trabalho voluntário. `Eles também percebem um aumento da responsabilidade de seus filhos`, diz Wellington.

 

O projeto iniciado em Araxá teve o apoio da franqueadora e foi abraçado pelas mais de 170 unidades da rede. A meta é implantar o Profut em 100% das unidades até 2008. Isso representará a formação de cerca de 32.000 voluntários por ano. `Além de contribuirmos com a melhoria da qualidade do ensino público, cumprimos nosso papel social e agregamos valor à marca BIT Company. Todos ganham`, afirma Wellington Martins.

 

O franqueado da BIT Company de Araxá diz que o Profut também contribui para a melhora da performance operacional das franquias, com o aumento de faturamento e receita, a diminuição de inadimplência e estimula o interesse do aluno pelos cursos. Isso reduz significativamente o cancelamento de matrículas e a evasão das salas de aulas.

 

Informações para a imprensa:

Paulo Flores: (11) 3266-6088 / 9998-7043 – Denis Dana: (11) 9949-6535

 

Ex-Libris Comunicação Integrada

Av. Paulista, 509 conj. 602 – São Paulo – SP – CEP: 01311-000

Tel.: (11) 3266-6088 – www.libris.com.br

Avaliação

NOTÍCIAS RELACIONADAS