Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

Escolha pelo menos um opção para sua busca

Franquia de portaria supre carência de condomínios com negócio lucrativo

04/06/2018

Franquia de portaria - Porter Portaria Remota

Suprir a demanda por mão de obra em portarias de condomínios era uma necessidade observada no mercado ainda em 2011, há pelo menos sete anos. Problemas comuns como a falta de profissionais qualificados fizeram com que um empresário visualizasse a oportunidade de desenvolver um novo modelo de negócio: uma portaria remota.

Após analisar o setor e estudar como essa solução auxiliaria milhares de condôminos, partiu-se para o desenvolvimento da tecnologia necessária para iniciar as operações. E então, surgiu a Porter Portaria Remota.

O processo durou aproximadamente um ano quando, finalmente, em 2012, após 6 meses de um forte trabalho comercial, a companhia conseguiu o seu primeiro cliente, um condomínio na cidade de Cuiabá (MT). Segundo o CEO da empresa, Juliano Bortolotti, o maior desafio dos primeiros contratos era convencer moradores e administradores do espaço de que a tecnologia ajudaria a trazer mais segurança para o condomínio.

”Já de início, o principal desafio encontrado foi convencer os síndicos e moradores que poderiam ter uma tecnologia para facilitar a segurança do prédio”.

 

Ao perceber a crescente demanda e o sucesso da solução, Bortolotti enxergou a necessidade de expandir esse serviço através de franquias. Após abrir a primeira unidade em Cuiabá, a rede inaugurou outro espaço em Palmas, no Tocantins.

Com amplo espaço para suprir essa demanda em condomínios de todo País, além de uma unidade modelo em funcionamento, surgiram novos desafios como a atualização do software e a padronização das operações para se adaptá-las ao franchising. “O grande desafio foi aplicar o modelo de negócio em sua originalidade para garantir o êxito em todos os setores’’, comenta o CEO da Porter.

O resultado dessa ideia inovadora, na avaliação do empreendedor, foi o sucesso e a expansão rápida do negócio. Para ele, uma visão voltada a encontrar soluções modernas e que vão de encontro ao futuro tornou a Porter referência e pioneira no mercado de portaria remota do País. Em sete anos de operações, a marca já está presente em 36 cidades de 21 estados brasileiros, além de possuir ainda unidade no Chile, atendendo diariamente mais de 400 condomínios e 70 mil usuários,  gerenciando mensalmente mais de quatro milhões de acessos.

Segundo a Porter do Brasil, o faturamento médio mensal de uma unidade da marca com aproximadamente três anos de atuação é estimado em torno de R$ 250 mil.

“São sete anos de excelentes resultados com investimentos contínuos em tecnologia, equipe, capacitação, estudos de mercado e marketing. Todos os esforços contribuíram para o que a Porter é hoje, ou seja, referência no mercado.”

 

Suporte diferenciado

Para que seus franqueados atinjam o sucesso e a expansão do negócio, a Porter desenvolve um trabalho de orientação e assessoria.

Entre os destaques, estão o suporte técnico e operacional, que envolvem treinamentos das equipes (ensino à distância e presencial), auditorias e o desenvolvimento de novas soluções.

Outra consultoria especializada oferecida pela franquia é no setor de marketing, com agência de publicidade e propaganda disponível para dar suporte e atender as necessidades de comunicação de todas as unidades.

A tecnologia utilizada pela Porter, de acordo com a franqueadora, está na terceira geração, o que a torna diferenciada em relação aos concorrentes que surgiram após a solução criada por Bortolotti se popularizar no mercado.

A ferramenta conta também com alta tecnologia embarcada, tanto de hardware quanto de software. Eles são totalmente integrados e, juntos, fornecem segurança, confiabilidade e eficiência na prestação dos serviços.

Em questões de equipamentos, a rede oferece aos franqueados o que há de mais moderno e exclusivo. Um desses exemplos é a disponibilização de um aplicativo para que os moradores acessem o condomínio de forma mais rápida e segura. Através dele, o morador pode enviar um acesso remoto aos seus convidados, prestadores de serviços, entre outros. O convite é enviado através de um QR Code personalizado, determinando o horário de entrada e de saída.

Para o diretor comercial da franqueadora, Antonio Segatto, a aplicação tem ótima aceitação dos moradores dos condomínios e passa por atualizações constantes para não ficar defasada.

“O aplicativo já tem amplo alcance entre os condomínios e teve aceitação total pelos condôminos. Nos modernizamos e atualizamos sempre para oferecer ao franqueado o que há de melhor para agregar valor ao negócio, além de ser uma praticidade para o dia a dia dos condomínios”.

 

Para este ano, segundo Segatto, a previsão é de um crescimento em termos de faturamento da ordem de 40% sobre o montante registrado em 2017. Já em termos de expansão, a previsão do executivo é de que sejam inauguradas ainda neste ano novas unidades Porter em todo as regiões do País e, inclusive, em outros mercados da América do Sul. No Brasil, estima-se que existam mais de 250 mil condomínios e menos de 2% deles contam com portaria remota instalada, o que mostra um mercado em potencial, na percepção de Segatto.

 

Presença internacional

No início de 2018, a Porter acelerou seu processo de internacionalização. Atualmente, já está em operação uma unidade na cidade de Santiago, capital do Chile. Nos próximos anos a marca prevê expandir o atendimento para outros países da região.

A consolidação da presença em outros mercados é um dos maiores objetivos da franquia, de acordo com o CEO da Porter, Juliano Bortolotti.

“A expansão para os países vizinhos é um dos focos da nossa empresa, já que também contam com um mercado em potencial. Investir em uma franquia de portaria remota tem, entre os diversos benefícios, o alto potencial de retorno financeiro, futuramente recorrente e uma marca consolidada e referência’’.

 

A Porter Portaria Remota

Com mais de 30 unidades abertas, umas delas em Santiago, no Chile, a Porter Portaria Remota é uma rede de franquias que oferece serviços voltados ao controle e gerenciamento à distância de acesso a condomínios.  Criada em Cuiabá, no Mato Grosso, a marca é associada à Associação Brasileira de Franchising (ABF) e está presente em 36 cidades do País.

 

Raio X

Investimento — a partir de R$ 500.000,00
Taxa de Franquia — Entre R$ 100.000,00 a R$ 140.000,00
Royalties — R$ 500,00 por condomínio
Propaganda — R$ 65,60 por condomínio
Retorno investimento — 24 a 48 meses
Lucratividade — 10 a 25 % sobre o faturamento
Faturamento médio mensal — R$ 150.000,00

 

ENTRE EM CONTATO COM A FRANQUIA PORTER PORTARIA REMOTA

 

_______________________________________________________________________

Por Publieditorial

Avaliação

NOTÍCIAS RELACIONADAS