Escassez de ponto comercial ou ineficiência para encontrá-lo?

05/02/2014

Para muitos varejistas, encontrar um PDV para marcas ainda é um grande desafio

Por Luiz Henrique Stockler

Quando se trata da busca pelo ponto de venda ideal, mapear as necessidades da empresa e confrontá-las com os resultados da pesquisa de campo minimizam tempo e ampliam resultados.  Para muitos varejistas, encontrar um PDV para marcas ainda é um grande desafio, pois a busca envolve a equação: fluxo de pessoas versus ramo de atuação versus imóvel, que não é fácil de ser resolvida.

Consultorias especializadas em varejo para micro, pequenas e médias empresas, inclusive franquias, costumam oferecer aos varejistas todo o suporte necessário na busca do PDV ideal. Tal suporte é oferecido por meio de análises técnicas completas, que analisam, checam e verificam cada detalhe que a escolha do ponto de venda engloba.

A busca incessante pela melhora do volume de vendas reflete o momento de evolução pelo qual o varejo brasileiro está passando. Essa procura inclui uma melhor apresentação dos produtos e da marca, via layout externo e interno, que automaticamente tornam a escolha do ponto de venda ainda mais personalizado.

Com esse cenário ativo, a dificuldade na escolha do PDV é grande, principalmente para as empresas que atuam em nichos específicos, como artigos de luxo ou produtos populares, em que o foco acaba recaindo para uma determinada região ou centro comercial.

Em linhas gerais, a busca pelo ponto comercial deve priorizar uma questão importante: o público alvo. O fluxo de pessoas sempre deve ser analisado, independente se a empresa está nas ruas ou em shoppings centers. Finalmente todo esse conhecimento poderá até ser transformado em um Manual de Ponto, para seja mais facilmente compartilhado na empresa.

Além disso, é necessário realizar todo um mapeamento das necessidades de cada empresa, contendo não só esses dados, mas também da região, dos imóveis, dos valores de cada região, entre outros.

Um case recente que vivenciei foi a procura por um ponto para uma marca de calçados com medidas especiais.  A busca não incluiu apenas a localização de um bairro, e sim a qualidade do imóvel, tempo de contrato e locação. Enquanto o melhor daquele bairro não foi encontrado, o PDV não foi apresentado ao cliente, que só o conheceu após a negociação pelo melhor custo de ocupação.

É em função dessas variantes que contar com auxílio profissional é de suma importância. Trata-se de um trabalho que exige dedicação e foco para que todo o planejamento se transforme em resultados concretos, que vão além do mapeamento de perfil e da pesquisa realizada em campo.

*Luís Henrique Stockler é sócio-diretor da ba}STOCKLER
www.bastockler.com.br

Quer aprofundar-se neste assunto?
Participe do curso “Gestão de Redes / Planejamento de Território, Seleção de Ponto e Geomarketing”, para informações clique aqui!