var lazyload = new LazyLoad({ elements_selector: ".lazy" }); }
CAMES aposta em franchising para expansão nacional
Buscando Franquias? Encontre aqui sua franquia «
Escolha pelo menos um opção para sua busca

CAMES aposta em franchising para expansão nacional


29/04/2021


Com registro na ABF, lawtech é a primeira empresa do mercado jurídico a investir nesse modelo de negócio e não necessita de ponto fixo

 

A última edição do relatório ‘Justiça em Números’ desenvolvido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) mostra que o Poder Judiciário finalizou o ano passado com mais de 77 milhões de processos em tramitação e que aguardavam alguma solução definitiva.

 

Optar por resoluções extrajudiciais, como mediação e arbitragem, é uma saída para dar vazão às pendências jurídicas. Pensando em democratizar o acesso e conhecimento da população sobre esses métodos, a CAMES – Câmara de Mediação e Arbitragem Especializada, aposta no modelo de franquia para aumentar a área de atuação no Brasil e ser a pioneira em franchising no mercado jurídico. Além disso, a empresa também já está cadastrada na ABF (Associação Brasileira de Franchising) e é uma das primeiras do segmento jurídico a ter esse registro.

 

As Câmaras de Mediação e Arbitragem são uma forma de auxiliar a desafogar o sistema. “O brasileiro ainda está muito acostumado ao litígio. É uma questão cultural. Trabalhamos no dia-a-dia para que as pessoas conheçam esses métodos”, conta Carlos Alberto Vilela, Diretor Geral da CAMES. Com o propósito de democratizar o conhecimento, a lawtech escolheu o modelo de franquia como sendo o adequado para a expansão. “Nosso objetivo é diminuir o caminho entre a pessoa e a solução para o seu conflito. Seja essa distância física ou temporal”, completa.

 

Criada em 2016, hoje a CAMES tem 9 unidades próprias e a expectativa é ter outras 50 franqueadas nos próximos 5 anos. O foco é estar presente preferencialmente em cidades e regiões com, pelo menos, 500 mil habitantes. “É importante ressaltar que o número de moradores não é um impeditivo ou uma regra fixa. Analisaremos a demanda caso a caso sempre visando o maior nível de conhecimento da sociedade sobre os benefícios da mediação e arbitragem”, reforça Carlos.

 

A escolha pelas resoluções extrajudiciais é muito mais econômica e prática. Sem contar que possibilita uma decisão amigável e o restabelecimento do relacionamento entre as partes. “Com uso de mediação, por exemplo, conseguimos reduzir o tempo do processo drasticamente. Ao invés de esperar meses ou até anos por uma sentença judicial, conseguimos chegar num acordo em poucas sessões. Isso traz um ganho financeiro, de tempo e emocional”, explica o Diretor Geral.

 

A CAMES também tem um DNA totalmente digital. Todos os processos podem ser resolvidos por meio de uma plataforma online. Por essa razão para ser um franqueado não é necessário um ponto fixo. “Isso reforça o nosso comprometimento e o compromisso em democratizar o acesso à essas resoluções para a sociedade e para os advogados. A pessoa consegue resolver todo problema pelo computador ao invés de ter que ir presencialmente ao Fórum. Prezamos por simplicidade, excelência e ética”, finaliza Vilela.

 

A taxa de franquia começa em R$ 40 mil e varia de acordo com o tamanho da cidade. Incluindo o custo para a instalação da solução e capital de giro, o investimento inicial é, em média, R$ 97 mil. O retorno de investimento fica em torno de 12 a 24 meses, variando de acordo com a quantidade e tipo de casos resolvidos nesse período.

 

 

NOTÍCIAS RELACIONADAS