Buscando Franquias? Encontre aqui sua franquia «
Escolha pelo menos um opção para sua busca

Aos 13 anos vendia gelinho e hoje fatura R$ 91 milhões com rede de franquia odontológica premium

26/11/2019

história de Nadim Farid da rede de franquia odontológica premium Oral Unic

Nascido na pequena Guaraci, uma cidade de 10 mil habitantes no noroeste paulista, Nadim Farid Nicolau Neto começou a trabalhar cedo.

Já com sangue empreendedor correndo pelas veias – e também para complementar a renda familiar -, aos 13 anos ele vendia “gelinho” no campo de futebol da cidade.

No ano 2000, Nadim passou no vestibular, mas seus pais não tinham dinheiro para arcar com a matrícula e as mensalidades.

Na época, nem cheque podiam dar, porque estavam sem crédito bancário.

Como Nadim ainda não tinha o nome negativado, ele mesmo abriu uma conta e deu dois cheques para fazer a matrícula.

“A gente sabia que o cheque voltaria, porque não tínhamos o dinheiro, mas foi a saída que encontramos”, relembra o empreendedor.

Sem conseguir pagar a mensalidade, Nadim organizava festas para os alunos da universidade e assim arrecadava algum dinheiro para alimentação e se manter durante o curso, que era em tempo integral.

No fim do primeiro ano da graduação, sem ter pago nenhuma mensalidade, Nadim e o pai foram negociar com a escola.

“A faculdade deixou a gente dividir o que devia em notas promissórias e, em 2002, com a morte do meu avô, meu pai recebeu um dinheiro e conseguiu acertar a faculdade.”

 

Novos caminhos

Em 2004, Nadim se formou dentista e foi trabalhar em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro.

“Um amigo meu trabalhava em uma clínica popular lá e me chamou. Entrei no ônibus e fui.”

Ali, Nadim aprendeu o modelo de clínica popular e decidiu empreender quando havia economizado R$ 16 mil.

“Eu acreditava no modelo de cobrar barato e decidi ir nesse caminho.”

Nadim detectou uma oportunidade em Santa Catarina, onde ainda não havia muitas clínicas odontológicas com perfil popular, e abriu um consultório em Itajaí em 2005.

Em 2007, com o crescimento do negócio, ele criou uma rede popular de clínicas odontológicas e chegou a ter 70 unidades em operação em 2012.

Como a rede não funcionava no modelo de franquia, mas sim em sociedade com dentistas locais, a dificuldade foi consegui dar padrão a todas as unidades.

“Nosso único padrão era montar no centro da cidade e atender barato”, lembra.

 

Nunca parar de estudar

Em 2014, com um MBA no currículo, Nadim teve a ideia de mudar sua atuação e começar uma nova rede, com um novo posicionamento de mercado, mais premium, já dentro do sistema de franquias, com manuais e processos definidos desde o começo.

“Pensei: ‘eu tenho que fazer algo diferente, porque todo mundo está atuando no centro das cidades e cobrando barato”, lembra.

Foi então que ele pensou em fundar uma rede de franquia odontológica premium.

Com o novo modelo de negócio em mente, começou a fechar e vender as clínicas da antiga rede para iniciar o novo negócio.

 

Nasce a rede de franquia odontológica premium

Assim, a Oral Unic foi fundada em 2016 em Itajaí (SC) para atender clientes das classes C e B com a mais moderna tecnologia do mercado e serviços de qualidade.

“Ficamos oito meses estudando o segmento para descobrir como poderíamos ser diferentes do que já existia no mercado odontológico”, explica Nadim.

consultório da rede de franquia odontológica premium Oral Unic

Montar uma unidade da Oral Unic requer investimento de R$ 950 mil e um espaço de cerca de 400 metros quadrados.

Cerca de R$ 200 mil vão somente para a compra de equipamentos odontológicos, incluindo um de raio-x panorâmico, que normalmente só é encontrado em laboratórios.

“É um equipamento de R$ 90 mil e todas as nossas clínicas têm.”

Além disso, as unidades têm salas pré e pós-operatório e um centro cirúrgico completo, com desfibrilador e monitor cardíaco.

“Optamos por trabalhar com os melhores produtos do mercado.”

Com esse posicionamento, a Oral Unic oferece todos os serviços odontológicos aos seus pacientes, desde uma limpeza até as modernas lentes de contato dental.

O carro-chefe, hoje, são os implantes, que respondem por 70% do faturamento das unidades.

Os serviços podem ser parcelados pelo cliente em até 20 parcelas, dependendo do valor do tratamento.

Com o conceito premium e oferecendo serviços de alto valor agregado, a Oral Unic dá hoje aos seus franqueados o maior tíquete médio do setor de franquias odontológicas – R$ 6 mil – e o maior faturamento médio por unidade – R$ 400 mil.

 

Crescimento acelerado

No final do primeiro ano de atividade, a Oral Unic tinha três unidades em operação.

Em 2017, começou a expansão por franquias e a rede encerrou o ano com 11 unidades e receita de R$ 21 milhões.

Em dezembro de 2018 o número de clínicas saltou para 30, e a rede atingiu um faturamento de R$ 91 milhões.

Hoje, são 49 unidades em funcionamento e a expectativa de encerrar 2019 com receita de R$ 215 milhões e 60 clínicas abertas.

Em função de seu crescimento acelerado, a Oral Unic foi selecionada, em 2019, para participar do programa ScaleUp da Endeavor, uma organização global de apoio ao empreendedorismo.

Foram 12 empresas selecionadas entre 150 inscritas.

Agora, a Oral Unic vai receber mentoria para escalar o negócio mais rapidamente.

 

Sobre a Oral Unic

Rede de franquia odontológica premium fundada em 2016 pelo dentista Nadim Farid Nicolau Neto.

Em 2019, tem 49 unidades abertas e até o final do ano serão 60.

O faturamento da rede chegou a R$ 91 milhões em 2018.

 

CLIQUE AQUI para mais informações sobre esta franquia!