Buscando Franquias?

Encontre aqui sua franquia

Escolha pelo menos um opção para sua busca

ANR promove debate com candidatos a deputado

20/09/2010

Foi realizado na sede da ABF no dia 15 de setembro um debate com candidatos a deputado federal e estadual. O encontro foi uma iniciativa da Associação Nacional de Restaurantes (ANR) e estiveram participando o Grupo Setorial das Redes de Alimentação da entidade.

Os convidados falaram do papel do parlamentar como `agente descomplicador` nas relações entre empresários, trabalhadores e Governo, e os presentes puderam discutir suas maiores preocupações para o próximo ano, como a questão da Substituição Tributária e os Projetos de Lei que têm onerado o setor. 

A Deputada Estadual Maria Lúcia Amary (PSDB) declarou que a Assembléia Legislativa pode ser um elo de comunicação com o Governo Federal: `É preciso reivindicar`, afirma. Já Milton Dallari (PSDB) chamou a atenção para a necessidade de se proteger as micro e pequenas empresas, que muitas vezes são alvo do excesso de Projetos de Lei aprovados no Congresso. O elevado número de projetos que prejudicam o setor também foi assunto abordado pelo Deputado Federal Walter Feldman (PSDB). `O Brasil é o país com a maior capacidade para enfrentar as intempéries econômicas, porém é preciso combater essa `gana` em aprovar leis que não condizem com a realidade`, assegura Feldman. Já o Deputado Federal Walter Ihoshi (DEM) lembra que é muito difícil para um empresário atuar na conformidade fiscal e trabalhista, mas a boa política atua para reduzir a carga tributária a níveis compatíveis. Segundo Ihoshi, também é preciso buscar uma atuação equilibrada de agências fiscalizadoras, como a ANVISA.

Os associados aproveitaram o encontro para apresentarem as reivindicações do setor e as questões que mais precisam ser discutidas após a entrada do novo Governo em 2011. Pedro Palatnik (McDonald`s) falou sobre a gravidade da bitributação gerada pela Substituição Tributária em São Paulo, e como uma reforma tributária poderia afetar, ou até piorar, a situação dos empresários. Já João Baptista (Rei do Mate) lembrou a atuação da ANR e da ABF junto ao Governo, ao apoiar a realização, por exemplo, de estudos que atestam o peso da Substituição Tributária sobre bares e restaurantes, onde buscam um posicionamento favorável da Secretaria de Fazenda do Estado de São Paulo sobre a questão.

Roberto Bielawski (Ráscal) afirmou que o empresário do setor, importante porta de entrada do mercado de trabalho para muitas pessoas, quer ser correto, atuar dentro da conformidade, mas se preocupa muito com o futuro, com as obrigações cada vez mais restritivas impostas aos restaurantes.

O debate foi encerrado por Claudio Miccieli, presidente da ANR, falando sobre a proximidade de eventos importantes para o Brasil, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, que darão visibilidade ao país perante o mundo, mas também tornam necessário o investimento e o cuidado não apenas com infraestrutura, com grandes obras, mas também com os serviços oferecidos à população.

NOTÍCIAS RELACIONADAS