Buscando Franquias? Encontre aqui sua franquia «
Escolha pelo menos um opção para sua busca

De vendedor de bilhetes de loteria a empresário de sucesso

25/04/2019

Franquia Rockfeller

Quando se pergunta a alguém o que você imagina estar fazendo aos 70 anos, provavelmente, alguns vão dizer que querem estar aposentados e curtindo a vida em família. Mas essa nem de longe será a resposta do empresário Romeu Morais, de 72 anos, fundador da franquia Rockfeller Language Center.

Nascido na pequena cidade de Tangará, no Oeste de Santa Catarina, Morais, aos 16 anos, vendia bilhetes de loteria em Curitiba, para onde se mudou com o pai, que trabalhava como carpinteiro. “Eu era um capiau”, diz.

Entre os três irmãos, foi o único que estudou. Formou-se em Agronomia e chegou a ser sócio em um empreendimento no setor agropecuário, mas acabou desfazendo a sociedade tempos depois e seguiu por outros caminhos.

Anos mais tarde, quando era franqueado de uma escola de idiomas, em São José, na Grande Florianópolis, a franquia começou a passar por dificuldades e foi aí que o jovem vendedor de bilhetes viu a oportunidade de reverter a situação. Fez, então, uma proposta ao franqueador pela aquisição do negócio todo, que incluía também uma unidade em Curitiba. Mas precisaria de renovação e inovação.

Sendo assim, resolveu unir experiência e juventude. Convidou a filha Renata, então com 23 anos, e o jovem coordenador da escola de São José, André Belz, com 25 anos à época, para ajudá-lo no empreendimento. E já nos primeiros passos do novo negócio, sua tarimba empresarial se fez necessária para o bom andamento do trabalho em equipe. “Tive de explicar que, em geral, as coisas não acontecem da noite para o dia. Que o empreendimento demoraria um tempo para se consolidar e que isso exigiria muito trabalho e até mesmo sacrifícios pessoais,” afirma Morais.

Nascia aí, em 2004, a Rockfeller Language Center, rede de franquias de idiomas (inglês e espanhol), que 15 anos depois se tornou um negócio de sucesso e faturou R$ 31 milhões em 2018.

Atualmente, a Rockefeller conta com 44 unidades em operação. A meta é atingir 60 unidades até o final de 2019, e a projeção é chegar a 100 em três anos. Morais ainda está longe de se aposentar e, formalmente, ocupa o cargo de presidente do conselho, mas ainda é bastante ativo nas estratégias de expansão da marca.

Ativo, mas não centralizador – o que deixou de ser por influência dos parceiros mais novos. “Há uns oito anos eles me pediram mais liberdade de ação”, conta. “E achei que fazia sentido, mesmo porque o negócio já estava bem sólido. Percebi, então, que devia abrir mais para eles a autonomia de tomadas de decisão.”

“Tudo o que aprendi do ponto de vista empresarial foi com o Romeu”, frisa Belz. “Renata e eu sempre confiamos muito no que ele diz, até porque ele tem moral para falar, dadas as conquistas que realizou na prática.”

Nesses quase 15 anos de trajetória, a marca acumulou prêmios, como o Selo de Excelência da ABF, e as 5 estrelas concedidas pela revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios. Abrir uma franquia da Rockfeller requer investimento entre R$ 95 mil e R$ 400 mil.

Sobre a Rockfeller Language Center – Excelência em conversação
A Rockfeller é uma rede de franquias de ensino dos idiomas inglês e espanhol. Nascida em Santa Catarina em 2004 com marca própria, em 2008 iniciou seu processo de expansão por meio de franquia. Conta com 44 unidades em operação. A meta é chegar a 60 unidades em 2019 e 100 em três anos.

 

QUERO MAIS INFORMAÇÕES DA FRANQUIA ROCKFELLER LANGUAGE CENTER